Skip to content

Category: AnônimoConteúdo sindicalizado

Revista Permanência 274 - Pentecostes de 2014

Índice da Revista (274)                                              155 págs

(Editorial) Vaticano II canonizado?     Dom Lourenço Fleichman
Sobre o anticristo  Cardeal Pie
Dúvida e confusão     John Vennari
Breve compêndio da lei natural      Jean Madiran
Entrevista com o Coronel Ustra      Carlos Brilhante Ustra
As grandezas de Jesus Cristo      Pe. Roger-Thomas Calmel
Fiel à paternidade        Randall C. Flanery
Vida intelectual versus vida de curiosidade   Pe. Luiz Cláudio Camargo
Conferências sobre a santidade    Pe. Matèo Crawley-Boevey
O problema do lazer Gustavo Corção

                                        

Revista Permanência 275 - Depois de Pentecostes de 2014

índice da revista (275)                                                         151 págs      

(Editorial) Pode a Igreja morrer?  Dom Lourenço Fleichman
O Estranho pontificado do Papa Francisco   Alexandre Marie
Madre Teresa de Calcutá: verdadeira ou falsa caridade? Irmão Marie-Dominique
A Igreja Católica e a Outra    Dom Lourenço Fleichman
Um amigo de Dom Vital      Luís da Câmara Cascudo
Meios secundários para crescer em graça Pe. José Maria Mestre
A restauração da tradição musical   Pe. Hervé de la Tour
Divagações a respeito dos jovens     Gustavo Corção

 

 

Revista Permanência 272 - Tempo do Natal 2013

ÍNDICE DA REVISTA (272)                                              127 págs

(Editorial) O Oráculo dos deuses  Dom Lourenço Fleichman
Nazaré ressuscitada  Pe. Emmanuel-Marie
Ainda em defesa da Vulgata Dom Lourenço Fleichman
Ensaio sobre a história de Roma    Juan Fernando Segovia
O Terceiro Segredo de Fátima  Ir. Michel de la Sainte Trinité
O Terceiro Segredo de Fátima - um testemunho Franco Adessa
Milagre austríaco de 1955  Christopher Ferrara
Nas ruas  Gustavo Corção
Considerações destituídas de lógica impecável   Gustavo Corção
(Recensão) 10 datas que todo católico deve conhecer     Fernando Prado de Barros   

                                               

                                                       

                            

   

Revista Permanência 273 - Tempo da Quaresma de 2014

Índice da Revista                                                    150 págs

 

(Editorial) Cinqüenta anos passados        Dom Lourenço Fleichman
Para que serve o papa?        Pe. Pierre Barrère
A “bondade” de João XXIII   Pe. Michel Simoulin
Vaticano II: continuidade de quê?   Pe. Luiz Cláudio Camargo
Duas meditações para a Quaresma   Pe. Luís de la Puente
A imortalidade      Gustavo Corção

 

                                                

Revista Permanência 268 - Tempo do Natal 2012

ÍNDICE DA REVISTA (282 - Natal 2012)                        152 págs

(Editorial) Burguês, mundano e soberbo      Dom Lourenço Fleichman
A crise das elites     Marcel de Corte
O que devemos e o que não devemos aos árabes  Jean Sévillia
O Magistério contra a Tradição?    Pe. Pierpaolo Maria Petrucci
Comentário ao Salmo 5        Santo Tomás de Aquino
A possibilidade da encarnação sem desvios panteístas  Pe. Rég. Garrigou-Lagrange
Naquele dia     Pe. Luiz Cláudio Camargo
Novena de Natal     Santo Afonso Maria de Ligório
As grandes lições que recebemos   Júlio Fleichman
Encontro com Henri Charlier André Charlier
Como apreciar o canto gregoriano  Pe. Gustavo Camargo
O primeiro livro   Gustavo Corção
(Recensão) As caravelas de Cristo  Fernando Prado de Barros

Revista Permanência 281

EDIÇÃO ESPECIAL COM 190 PÁGINAS:

*EDITORIAL 

* NOTAS SOBRE A REVOLUÇÃO DE 1974 EM PORTUGAL

* QUEM INSPIROU RENÉ GUÉNON? (leia as primeiras páginas)

* TRATADO PARA CONVERTER OS JUDEUS (PARTE IV)

* VIDA DE SANTO TOMÁS DE AQUINO (leia as primeiras páginas)

* OS MÁRTIRES IRLANDESES NO SÉCULO XVII (leia as primeiras páginas)

* ASSASSINATO NA CATEDRAL (TRADUÇÃO DA PEÇA DE T. S. ELIOT)

 

 

 

Retiros Espirituais de Santo Inácio

Estamos numa situação muito difícil. A corrupção causada pelo mundo moderno chegou a tal ponto que as pessoas vivem sem vida sobrenatural, achando que estão no caminho da salvação. Não percebem mais o quanto estão mergulhadas em seus defeitos dominantes, sem um padre para lhes orientar ou, quando têm o padre, não aceitam ir muito longe nas descobertas das sombras que obscurecem a alma e a luz do Evangelho em nós.

Nunca os homens tiveram tanta necessidade de Retiros Espirituais. Pois no silêncio e na meditação, apesar de já não terem o costume disso, podem chegar a conclusões importantes sobre si mesmos, sobre suas atitudes em relação a Deus e ao próximo. E com isso, terem uma chance de conversão mais profunda, que os leve longe de todo pecado mortal, abrindo novas perspectivas na busca da santidade.

Ao passar 5 dias meditando e rezando, iniciamos essa busca de uma vida mais próxima da vontade de Deus, aprendemos práticas de oração e leituras que nos ajudam a manter a vida espiritual durante o resto do ano, nos aconselhamos com um padre sobre como combater contra o defeito dominante, ou como solucionar uma grave situação da nossa vida.

 PETRÓPOLIS (RJ) - 2014 - PARA HOMENS

  DE QUINTA-FEIRA 27 DE FEVEREIRO (18:00)

a

TERÇA-FEIRA 4 DE MARÇO (depois do almoço)

Pregadores: Dom Lourenço Fleichman OSB e Pe. Luiz Cláudio Camargo (FSSPX)

Vejam que haverá necessidade de pedir folga no trabalho na sexta-feira antes do Carnaval. Caso tenha dificuldades com o horário, entre em contato conosco. (capela@capela.org.br - 21-26162504)

Valor : R$ 300,00

INSCRIÇÃO: envie um e-mail para     capela@capela.org.br

indicando Nome completo - data de nascimento - cidade em que mora - telefone celular
Enviaremos em seguida a programação e as indicações práticas

OUTROS RETIROS NO BRASIL

Para Mulheres    - São Paulo

Data: de 28 de fevereiro a 5 de março/2014 (carnaval)

Local: Casa de retiros Nossa Senhora no Cenáculo, em Taboão da Serra (mapa aqui)

Custo: R$ 300

O retiro será pregado pelo Pe. Rodolfo Vieira e pelo Pe. Alejandro Rivero.

Mais informações ou para se inscrever: (11) 4301-8939 ou clique aqui

 

Para Homens   - Santa Maria/RS

Data: de 6 a 11 de janeiro/2014

Local: Priorado de Santa Maria

O retiro será pregado pelo Pe. Luiz Cláudio Camargo e pelo Pe. Alejandro Rivero.

Mais informações: (55) 3028-3896

 

"Assim como passear, caminhar ou correr são exercícios corporais, também se chamam Exercícios Espirituais os diferentes modos da pessoa se preparar e se dispor a tirar de si todas as afeições desordenadas para encontrar a Vontade de Deus, dispondo sua vida para a salvação de sua alma".  (Sto Inácio)

45. Sexta-feira santa: *A morte de Cristo.

Sexta-feira santa
 
Foi conveniente que Cristo morresse, pelas seguintes razões:
 
1. Para consumar a nossa redenção, pois, apesar da Paixão ter virtude infinita por causa da união da divindade, não foi durante um sofrimento qualquer que nossa redenção foi consumada, mas na morte de Cristo. Por isso diz o Espírito Santo pela boca de Caifás (Jo 11, 50): convém que morra um homem pelo povo. E santo Agostinho: Admiremos, congratulemo-nos, rejubilemo-nos, amemos, louvemos e adoremos, pois, pela morte de nosso redentor, fomos chamados das trevas à luz, da morte à vida, do exílio à pátria, do luto à alegria.

44. Quinta-feira santa: *A ceia do Senhor

Quinta-feira santa
 
O Sacramento do Corpo do Senhor foi convenientemente instituído na Última Ceia, e isso por três razões:
 
1. Em razão daquilo que este sacramento contém: ou seja, o próprio Cristo. No momento de deixar os discípulos em sua própria figura, Ele permanece com eles sob a forma sacramental, assim como, na ausência do imperador, exibe-se a sua imagem. Daí o dizer Eusébio: "Como o corpo que assumira havia de ser retirado da nossa visão corporal e elevado ao céu, era preciso que, na Ultima Ceia, Ele consagrasse para nós o sacramento de seu corpo e de seu sangue, afim de que pudéssemos continuar a adorar no mistério o que uma vez ofereceu para nosso resgate".

3. Sexta-feira depois das cinzas: A coroa de espinhos [*]

6a. feira depois das Cinzas
   
«Saí, filhas de Sião, e vêde o rei Salomão com o diadema de que sua mãe o coroou no dia do seu casamento e no dia do júbilo do seu coração» (Ct 3, 11)
   
É a voz da Igreja que convida as almas dos fiéis a contemplar quão admirável e belo é seu Esposo. Pois as filhas de Sião são iguais às filhas de Jerusalém, almas santas, habitantes do Reino de Deus, que gozam, com os anjos, da paz perpétua e da contemplação da glória do Senhor.

AdaptiveThemes