Skip to content

Category: Revista Permanência 281Conteúdo sindicalizado

Quem inspirou René Guénon?

É inegável que René Guénon (1886-1951) exerce uma influência importante nos ambientes intelectuais que reivindicam para si, a torto ou a direto, a Tradição. Para justificar a afirmação, basta citar o livro de Éric Vatré, La droite du père. Enquête sur la Tradition catholique aujourd’hui[1] [A direita do pai. Enquete sobre a Tradição Católica nos dias de hoje]: um terço da obra se dedica aos discípulos de Guénon[2].

O problema da compatibilidade entre as idéias de Guénon e o catolicismo já se discutia enquanto o escritor ainda vivia. René Guénon, de origem católica, colaborou no início com revistas monárquicas e católicas na França, quais La France anti-maçonnique (1913-1914) ou a Revue universelle du Sacré-Coeur, Regnabit (1925-1927)[3]. As primeiras reações vieram dos colaboradores da Revue Internationale des Societé Secrètes, de Mons. Jouin; a disputa terminou em 1930, quando Guénon se “exilou” de própria vontade no Egito, onde se viu livre para praticar o esoterismo muçulmano que abraçara secretamente em 1912.

Revista Permanência 281 - Tempo da Quaresma 2016

- Revista Permanência 281 (Quaresma de 2016)                        192 págs

(Editorial) ´Faze a obra de um Evangelista´ (2Tm 4,5)    Dom Lourenço Fleichman
Nota sobre a revolução de 1974 em Portugal        Marcos Pinho de Escobar
Quem inspirou René Guénon   Antoine de Motreff
Tratado para converter os judeus (parte IV) São Vicente Ferrer
Vida de Santo Tomás de Aquino Anônimo
Os mártires irlandeses do século XVII Matthew Bruton
Assassinato na Catedral T. S. Eliot

                                       

 

                    

AdaptiveThemes