Skip to content

Missa do vigésimo-terceiro domingo depois de Pentecostes

Intróito. Jerem 29,11, 12 e 14.  Diz o Senhor: Eu tenho pensamentos de paz e não de aflição; invocar-Me-eis e escutarei a vossa oração: e reconduzirei os vossos cativos de todos os lugares em que andam dispersos. Sl. Abençoastes, Senhor, a Vossa terra e relegastes o cativeiro de Jacó. V. Glória ao Pai.

Coleta – Perdoai, Senhor, os crimes do Vosso povo e livrai-nos, por Vossa misericórdia, do laço dos pecados que por nossa fraqueza cometemos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.
 
Epístola de S. Paulo Apóstolo aos Filipenses 3, 17 – 21; 4, 1 - 3. Irmãos: Sede meus imitadores, e ponde os olhos naqueles que andam conforme o modelo que tendes em nós. Porque muitos, de quem muitas vezes vos falei e também agora falo com lágrimas, procedem como inimigos da Cruz de Cristo; o fim deles é a perdição; o Deus deles é o ventre; e fazem consistir a sua glória na sua própria confusão, gostando somente das coisas terrenas. Nós, porém, somos cidadãos dos Céus, donde também esperamos o Salvador, nosso Senhor Jesus Cristo, o qual transformará o nosso corpo de miséria, fazendo-o semelhante ao seu corpo glorioso, com aquele poder com que pode também sujeitar a Si todas as coisas. Portanto, meus muito amados e desejados irmãos, minha alegria e minha coroa, permanecei assim firmes no Senhor, caríssimos. Rogo a Evódia, e suplico a Síntique, que tenham os mesmos sentimentos no Senhor. Também te rogo a ti, fiel companheiro, que as ajudes aquelas que combateram comigo pelo Evangelho com Clemente e com os outros meus colaboradores, cujos nomes estão no Livro da vida.
 
Gradual. - Sl. 43, 8 – 9. Libertastes-nos, Senhor, dos que nos oprimiam e confundistes aqueles que nos odiaram. Em Deus nos gloriaremos por todo dia e louvaremos o Vosso nome para sempre.
 
Aleluia, aleluia. v. Sl. 129, 1 -2. – Do fundo do abismo chamei por Vós, Senhor: Senhor, ouvi a minha oração. Aleluia.
 
Evangelho segundo S. Mateus 9, 18 - 26. Naquele tempo: Enquanto Jesus falava às turbas, eis que um príncipe da sinagoga se aproximou e prostrou diante dEle, dizendo: Senhor, acaba de morrer minha filha; mas vem, põe a tua mão sobre ela, e viverá. E Jesus, levantando-se, o seguiu com seus discípulos. E eis que uma mulher, que, havia doze anos, padecia um fluxo de sangue, se chegou por detrás dEle, e Lhe tocou a fimbria do vestido. Porque dizia no seu íntimo: Ainda que eu toque somente o Seu vestido, serei curada. E, voltando-se Jesus e vendo-a, disse-lhe: Tem confiança, filha, a tua fé te salvou. E ficou sã a mulher desde aquela hora. E, tendo Jesus chegado a casa daquele príncipe da Sinagoga, e tendo visto os tocadores de flauta e uma multidão de gente, que faziam muito barulho, disse: Retirai-vos, porque a menina não está morta, mas dorme. E eles o escarneciam. E, tendo-se se feito sair a gente, Ele entrou e tomou-a pela mão, e a menina levantou-se. E divulgou-se   a fama deste milagre por toda aquela terra.
 
Ofertório. Sl. 129, 1 - 2. Do fundo do abismo chamei por Vós, Senhor: Senhor, ouvi a minha oração. Do fundo do abismo chamei por Vós, Senhor.
 
Secreta – Nós Vos oferecemos, Senhor, este sacrifício de louvor para que Vos digneis continuar, por vossa misericórdia, a obra que em nós, sem Vo-lo merecer, começastes. Por Nosso Senhor..
 
Prefácio da Santíssima Trindade
 
Comunhão.  Mc. 11, 24. – Em verdade vos digo que tudo o que pedirdes na oração, crede que o recebereis e que vos será concedido.
 
Depois da comunhão. – Nós Vos suplicamos, Senhor onipotente, não deixeis sucumbir aos perigos do mundo aqueles que alegrais com a participação deste divino banquete. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

AdaptiveThemes