Skip to content

Category: ComentáriosConteúdo sindicalizado

LANÇAMENTOS DA EDITORA PERMANÊNCIA

Setembro 2, 2014 escrito por Dom Lourenço

Iniciamos o mês de setembro com a chegada de duas novidades:

Revista Permanência 275 e Martirológio Romano.

1) Revista Permanência 275

   Nossa Revista propõe aos leitores vários artigos de análise da situação da Igreja. A crise que nos angustia há tantas décadas vai sufocando a alma católica e nos conduzindo a um impasse terrível. Tem-se a impressão de que em breve não haverá mais nada de humano a ser feito, senão abandonarmos nossas vidas e nossa fé nas mãos de Nosso Senhor, chorar nossos pecados e aguardar a intervenção de Jesus Cristo no governos de sua Igreja.

Seria o fim? Não podemos pensar assim. Ao contrário, temos a força sobrenatural da virtude da Esperança que vem em socorro da nossa fé e nos prepara no combate.

Como exemplo da decadência, analisamos o pontificado do papa Francisco, continuamos a tratar do tema das canonizações, dessa vez apresentando a verdadeira face da madre Tereza de Calcutá, e analisamos a visão de Gustavo Corção sobre a existência da "Outra", esse igreja inventada por Vaticano II que tenta esmagar a verdadeira Igreja Católica.

 

Outros artigos importantes seguem, principalmente o belo texto do Pe. José Maria Mestre, já nosso conhecido, dessa vez falando sobre os meios de santificação. Assinalamos também um artigo muito antigo do famoso Câmara Cascudo, contando

 

como nosso grande e santo bispo, Dom Vital, foi defendido na Câmara dos Deputados, quando estava preso nas masmorras do Rio de Janeiro.

 

R$ 25,00

 

 

 

 

 

 

 

2) MARTIROLÓGIO ROMANO

O Martirológio é um livro litúrgico usado pela Igreja para anunciar as festas dos santos na véspera do seu dia. Sua leitura diária é feita no final do Ofício de Prima ou na leitura do Refeitório, comum às casas religiosas. Os que não são religiosos podem usá-lo em sua oração da manhã ou da noite, como preparação para o dia seguinte. Como o Concílio Vaticano II modificou em muitos pontos o calendário das festas litúrgicas, trazendo certa confusão nas almas, tornou-se urgente a publicação do calendário tradicional, mantido por todos os padres fiéis à Tradição. Nossa edição traduzida para o português é precedida de uma explicação sobre as principais noções e conceitos que entram na elaboração do Ano Litúrgico, tais como o número de ouro, a epacta, a letra do Martirológio e outros. 462 páginas. Indices diversos.

R$ 70,00

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Declaração dos Bispos da Fraternidade S. Pio X

Junho 27, 2013 escrito por Dom Lourenço

A Fraternidade São Pio X publicou neste dia 27 de junho uma Declaração doutrinária de repúdio aos erros do Concílio Vaticano II. Esta declaração tem por motivo os 25 anos das Sagrações episcopais, realizadas em 30 de junho de 1988, em Ecône, Suiça. O texto, assinado pelos três bispos da Fraternidade, analisa um a um os principais erros, tais como o falso Magistério, a liberdade religiosa, o ecumenismo, a nova missa e a nova liturgia etc.

Damos aqui o link para o site da Fraternidade S. Pio X no Brasil, onde encontrarão a tradução brasileira da Declaração.

http://www.fsspx.com.br/exe2/declaracao-por-ocasiao-do-25o-aniversario-das-sagracoes-episcopais-30-de-junho-de-1988-27-de-junho-de-2013/

Livro do Papa

Novembro 30, 2010 escrito por Dom Lourenço

AS DECLARAÇÕES DO PAPA SOBRE OS PRESERVATIVOS

A Fraternidade Sacerdotal São Pio X publicou em português um comentário sobre as últimas declarações do papa Bento XVI sobre o uso de preservativos. Texto curto, claro, trazendo a doutrina de sempre da Igreja em toda sua objetividade e que servirá para esclarecer os fiéis sobre o tema.

Nota sobre as declarações do papa

 

 

 

Ainda as Eleições

Setembro 16, 2010 escrito por Dom Lourenço

Hoje encontrei dois artigos de um mesmo autor, Heitor de Paola, que apresento aos nossos leitores, ao menos aos que não o conhecem. Eles vêm confirmar, com os dados próprios daqueles que estudam a fundo essas questões, as impressões que eu escrevi aqui sobre o candidato Serra e sobre o papel do PSDB na política nacional. É triste, mas é coerente e verdadeiro. Rezemos pelo Brasil.

1º Artigo - Agora é Tarde

2º Artigo - Estratégia Tucano-Petista

Eleições

Setembro 14, 2010 escrito por Dom Lourenço

ELEIÇÕES

O espetáculo tem algo de grandioso. Parece uma ópera. Seria bufa? Pode ser, tanto faz. O espetáculo tem algo de comédia, de drama, de tragédia, tudo misturado, liquidificado. Imaginem um teatro em que os assistentes não soubessem bem se estavam diante da dor ou da gaiatice barata, da emoção romântica ou da morte trágica. Rapidamente sairia de cartaz, falido e desconsiderado.

Que tipo de mágica detém esses senhores para manter toda uma população de dimensões continentais assistindo e aplaudindo tanta  enganação? Seriam eles prestidigitadores? Certamente o são. Todos eles o são.

Percorra, caro leitor, os sites e blogs dos que fazem oposição à candidata do governo. O que vemos? Todos, em uníssono, alertam o Brasil para não votar em terroristas, para não votar no comunismo que já tomou conta de todas as instituições governamentais. Cansei de ouvir falar dos males do Partido, quando o brasileiro mais sério, que guarda a moral católica, zeloso em manter os princípios civilizacionais que criaram o Brasil, não tem opção. A que tipo de oposição assistimos? Que coisa ridícula é essa, de um partido de esquerda, que se diz de centro-esquerda, apresentar um candidato que tem como grande trunfo ter sido líder da UNE? E se acha muito inteligente por ter tido um passado comunista! Cheguei à conclusão que o PSDB nada mais é do que um partido tampão. Ele atua na área política para neutralizar a oposição. Geraldo Alckmin foi literalmente abandonado pelo partido no meio das eleições. E Serra faz parte do time que estabelece esse tipo de política falsificada, onde o que menos importa é um programa de governo.

Algumas pessoas me pedem uma indicação. Não dou. Que cada um siga sua consciência, porque eu não consigo nem pensar em eleições. Tenho náuseas. Um homem de bem, se aceita entrar nesse jogo, deve ser estúpido o suficiente para achar que poderá aplicar o seu bem na politica. Não há como. O sistema é corrompido na sua base e a corrupção dentro do governo nada mais é do que a ponta do iceberg que aparece para os simples mortais. Não me venham falar de cidadania, voto responsável e coisas do tipo. Uma coisa eu sei: isso que está aí não é coisa séria, nem é Democracia, é palhaçada. E ainda me obrigam a ir ao circo!

Minha responsabilidade está nas mãos de Nossa Senhora Aparecida, protetora do nosso Brasil. Mas os milagres só acontecem para aqueles que o merecem, que o pedem, e que estejam prontos a suportar as dores da perseguição. Existe ainda um Brasil assim?

O Pensamento de Dom Antônio de Castro Mayer

Maio 13, 2010 escrito por Dom Lourenço

 

A EDITORA PERMANÊNCIA TEM A HONRA DE PUBLICAR
 
O PENSAMENTO DE
DOM ANTÔNIO DE CASTRO MAYER
 
R$  35,00
 
 
Não é preciso muito esforço para perceber a qualidade e a profundidade teológica da Carta Pastoral sobre a Mediação Universal da Virgem Maria, do saudoso Dom Antônio de Castro Mayer, que publicamos aqui há alguns dias. Se suas Cartas Pastorais são encontradas com certa facilidade nos sebos das nossas cidades, já não se conhece quase nada dos artigos lançados ao longo de muitos anos no Jornal Monitor Campista, ou no antigo Boletim Heri et Hodie.
 
AdaptiveThemes